Aula 12


Tema: Os Jogos dos povos indígenas 2
Duração: 50 min
Objetivos: Identificar o conceito de técnicas corporais e analisar o impacto dos Jogos  na cultura corporal dos Povos Indígenas
Introdução:
- Para iniciar, relembrar, resumidamente, a aula anterior e apresentar os objetivos da aula vigente.
- Dando prosseguimento ao tema, ressaltar que a forma como os povos indígenas se apresentam nos Jogos, no que concerne ao movimento e a expressividade, reitera a importância da corporalidade em suas culturas, que é propagada por meio das técnicas corporais. Nesse sentido, trazer o entendimento sobre esse termo (baseado no sociólogo francês Marcel Mauss – subsídios nas referências), os seus desdobramentos na sociedade e a relevância nas sociedades Indígenas. 
Desenvolvimento:
- Iniciar a parte principal da aula, apresentando o mini documentário Waapa (disponível para a exibição gratuita no site videocamp), que trata da importância das práticas corporais na formação do sujeito dentro do contexto dos povos indígenas. Em seguida, com base nos conhecimentos a respeito dos Jogos povos indígenas e de suas corporalidades, discutir com os alunos o impacto dos Jogos no processo de construção de corporal dos povos indígenas, a partir dos seguintes pontos: possibilidades do intercâmbio cultural, espetacularização das práticas corporais indígenas e possíveis transformações das técnicas corporais Indígenas. Nas referências, segue material para subsidiar a discussão.
Conclusão:
ALMEIDA, Arthur; SUASSUNA, Dulce; GRANDO, Beleni Saléte. As práticas corporais e a educação do corpo indígenaa contribuição do esporte nos jogos dos povos indígenas. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, v. 32, p. 59-74, 2010.
ALMEIDA, Arthur; SUASSUNA, Dulce. Esporte e culturaanálise acerca da esportivização de práticas corporais nos jogos indígenas. Pensar a Prática (UFG. Impresso), v. 13, p. 1-18, 2010.
ALMEIDA, Arthur; SUASSUNA, Dulce. Práticas corporais, sentidos e significadouma análise dos jogos dos povos indígenas. Movimento (UFRGS. Impresso), v.16, p.53-71, 2010.
JOGOS MUNDIAIS DOS POVOS INDÍGENAS. Arquibancadas vibram com disputas acirradas da Arena Verde. (02m43s) Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=xIzOFPDxeaY Acesso em: 18 de novembro de 2019.
MAUSS, Marcel. “As Técnicas Corporais”. In: Marcel Mauss, Sociologia e Antropologia, vol. 2. São Paulo: EPU/EDUSP, 1974.
PINTO, Leila Mirtes Santos de Magalhães; GRANDO, Beleni Saléte (Org.). Brincar, Jogar, Viver: IX Jogos dos Povos Indígenas. 1. ed. Cuiabá-MT: Central de Texto, 2010. v. 1. 260p .
ROCHA FERREIRA, Maria Beatriz; VINHA, Marina (Org.). Celebrando os jogos, a memória e a identidade: XI Jogos dos Povos Indígenas. Porto Nacional - Tocantins, 2011. 1.ed. Dourados: UFGD, 2015. v. 1. 272p.
ROQUE, Lucas et al. Jogos Mundiais dos Povos Indígenas: Brasil, 2015: o importante é celebrar. – Brasília: PNUD, 2017.104 p, il.
SGED UFSCAR. Tutorial Padlet: criando murais. Disponível em: https://inovaeh.sead.ufscar.br/wp-content/uploads/2019/04/Tutorial-Padlet.pdf Acesso em: 18 de novembro de 2019.
SILVA, Patrícia Grasel; LIMA, Dione Sousa de Lima. Padlet como um ambiente virtual de aprendizagem na formação de profissionais da educação. RENOTE. Revista Novas Tecnologias na Educação, v.16, p. 1-10, 2018.
TOMÉ, Douglas. Padlet – Um Mural na Educação(15m46s) Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=2ETmpoSeMaM Acesso em: 18 de novembro de 2019.
WAAPA. Direção de David Reeks, Paula Mendonça e Renata Meireles. Maria Farinha Filmes, 2017. 20 min.

Slides (aula 12 - pdf)

Nenhum comentário:

Postar um comentário